• CUIDADO COM AS ARMADILHAS! - *Martinho Júnior | Luanda* Há demasiada interferência externa em relação a Angola neste momento, de que se está a aproveitar alguma "oposição" interna e...
    Há 2 horas

segunda-feira, 7 de março de 2011

OS PRÍNCIPES DESTE MUNDO

.

ANGOLA 24 HORAS – 07 março 2011

(Angola esta a viver momentos ímpares!). - Cardeal D. Alexandre do Nascimento.

Embora desde 1992, sempre desconfiasse da cumplicidade da igreja católica com o regime (tal como aconteceu no passado colonial), nutria apesar dos pesares uma certa simpatia pelo então ‘ícone’ da igreja Católica de Angola (Príncipe da igreja Católica de Angola), honestamente não sabia que tal titulo existisse dentro da igreja, mas enfim.., mais decepcionado fiquei com a montanha de cumplicidade e bajulação caudilhista, deste emérito ‘príncipe’ que, sempre pensei, fosse amante da verdade e nada mais do que a verdade.

Isaías 32 versículo 1-2 reza; …e quanto a príncipes, governarão como príncipes para o próprio JUIZO, e cada um (deles) terá de mostrar ser como ABRIGO contra o vento e como esconderijo contra o temporal, como correntes de água numa terra árida, como a SOMBRA dum pesado rochedo numa terra esgotada.

Angola esta localizado entre os DEZ MAIS CORRUPTOS do planeta, concomitantemente entre os dez com a PIOR GOVERNAÇÃO DO PLANETA, entre os dez Países mais IMUNDOS do mundo, e como não podia deixar de ser entre os dez do mundo onde não reina a PAZ (um país verticalmente corrupto, severamente desgovernado e impiamente imundo é linearmente VIOLENTO), a dor, a miséria execrável e a mortandade/genocídio contínua que tais ‘atributos’ semeiam ininterruptamente no seio do povo Angolano constitui a razão maior do grito de angustia e dor das populações de Angola, estamos todos a viver ao vivo e a cores um autêntico filme de TERROR. E o príncipe da igreja Católica, assegura que; “Angola esta a viver momentos ímpares”.

Os Príncipes das várias denominações igrejas cristãs de Angola, não o são para o próprio juízo, porque não primam pela verdade e muito menos com a JUSTIÇA, são na verdade cúmplices da injustiça, impossível poderem fazer o papel de abrigo contra o vento e como esconderijo contra o temporal, e como correntes de água numa terra árida, e quanto a Sombra eles não passam mais do que escaldantes fontes de sofrimento e agonia do humilde e quebrantado povo, o povo não sente nenhum alivio e consolo ao aproximarem-se ‘deles’.

Certa vez Jesus Cristo, que rejeitou o título e cargo de REI, quando o povo entusiasmado queria aclama-lo a tal cargo, em conversa com os membros do sinédrio judaico, portanto com os chamados príncipes da religião judaica, que também dirigiam os ‘assuntos’ sociopolítico da nação judaica em representação do império Romano, disse-os sem papas na língua (João 8 versículo 44); - “Vós sois de vosso pai o diabo, e QUEREIS FAZER OS DESEJOS de vosso pai, e quereis fazer os desejos de vosso pai. Esse foi homicida DESDE O PRINCIPIO, e não permaneceu firme na VERDADE, porque não há nele verdade. Quando fala a mentira, fala segundo a sua própria disposição, porque é um mentiroso e o PAI DA MENTIRA.

O jornal de Angola, ‘boca-de-aluguel’ do regime ditatorial na mesma edição que enalteceu o ‘príncipe de Angola’ na contra-pagina anunciava o seguinte titulo; chuva de Domingo deixa um rastro de destruição e dor. E o ‘príncipe’ a dizer que Deus esta a abençoar Angola, e esta com o povo Angolano (por outras palavras disse; que Deus abençoa JES).

A quanto tempo isso acontece? Os efeitos mortíferos das chuvas? E o que fez/faz o regime para atenua-las ou mesmo anula-las?.. fez/faz algo? Caso positivo, Então não fez/faz o suficiente, como sempre fez/faz algumas ‘obrazitas’ cosméticas, que o ‘fiscal’ logo anula-as traduzindo em inegável sofrimento para o povo. Desta feita Os bairros Palanca, Golfe I e II, morro Bento, Futungo, Benfica e Samba, foram os mais afectados.

Angola está literalmente transformado num INFERNO, então o Cardeal e os seus congéneres das demais religiões cristãs, são “príncipes do inferno”.

Um outro ‘príncipe’ caudilhista ‘trovejou’ que vai participar da manifestação a favor da violência e da continuidade de JES, prometendo que vai ‘arrastar’ com o mesmo mais 10.000 jovens… QUE MENTIRA MAIS ESCABROSA, vindo de alguém que diz ser ‘a boca’ de Deus.

O regime já vai preparando o cenário, convidando artistas e músicos considerados do nosso ‘music-hall’ (que aceitaram o convite tendo apenas em conta, o aspecto profissional) para servirem de atracção aos jovens, raves de cerveja e demais pandemias, tudo que é indecente, corrupto e MENTIRA, já estão devidamente planificados a boa maneira do MPLA-JES. Se os manifestantes anti-JES tentarem procederem da mesma forma, serão considerados de arruaceiros, desordeiros, ‘traidores’ e um atentado a ordem publica, Ê ISTO DEMOCRACIA?!...

Nem todos os que se sentam na mais alta hierarquia das igrejas cristãs de Angola, comem da mesa de JES, há os que esporadicamente vão fazendo ouvir as suas vozes, alguns de forma tímida e ténue mas vão-se fazendo ouvir a favor do povo, mas a maioria fazem alarido público de comer na mesa do demónio, outros têm receio de perder algumas mordomias social, politico e económicas, faz-me lembrar as palavras de Luther King; por vezes o silêncio traduz-se por traição. E num outro lugar disse; O QUE ME PREOCUPA NÃO Ê O ‘GRITO’ DOS MAUS, MAS O ‘SILÊNCIO’ DOS BONS.

No tempo de Jesus Cristo (JC), nem todos os que se sentavam no sinédrio judaico (os príncipes e representantes/servos do império Romano) odiavam Jesus Cristo, alguns como Nicodemos (que visitou secretamente JC e maravilhou-se com os seus ensinos) José de Aritmeia (que sepultou JC, demonstrando publicamente o seu amor por JC) e Gamaliel (que defendeu corajosa e abertamente os apóstolos aos quais o sinédrio proibiu de divulgar os ensinamentos de JC), foram excepção, distanciando-se dos demais colegas do ‘principado’.

A maioria dos príncipes deste mundo (ANGOLA), estão a favor da continuidade de JES, da violência, do genocídio, e da continuação da corrupção e da miséria do povo, estão a favor da continuação da MENTIRA, porque eles mesmos são príncipes da Mentira e da injustiça.

Entendo que devido a obra evangélica cristã e a paz espiritual, os chamados ‘príncipes’ das diversas igrejas cristãs, deveriam recomendar as suas ‘ovelhas’ ao distanciamento equilibrado ou melhor uma certa neutralidade, traduzida; nem a favor da manifestação do MPLA-JES nem da manifestação anti-JES.

Caifás o sumo-sacerdote judaico, o autor da ideia do recrutamento e traição de Judas e da morte violenta de JC, equipara-se ao Cardeal Alexandre de Nascimento e congéneres, que condenou a morte JC por este ter declarado ser filho de Deus, a mais pura verdade ou melhor o principio e o fim da VERDADE.

Pilatos não estava de acordo com a condenação a morte de JC “porque não via nele motivo para tal condenação”, Pilatos tentou (depois de algumas) mais uma ‘artimanha’, ingenuamente perguntou a massa da multidão diante dele; Não é este (JC) o Rei dos Judeus? Caifás, destacando-se entre os chamados ‘príncipes’ e da multidão em geral, trovejou; NÕS (os príncipes do sistema religioso judaico) NÃO TEMOS OUTRO REI SENÃO CÈSAR… com esta declaração, o Sumo-sacerdote judaico, encurralou astutamente Pilatos; Se não crucificares este homem (JC) fazes-te inimigo de César, assegurou Caifás, desferindo o golpe de misericórdia contra as intenções de Pilatos, a sorte de JC estava fatalmente traçado, por aquele que se julgava o príncipe do Criador entre as pessoas comuns da terra.

Cardeal Alexandre de Nascimento e congéneres, também dizem; NÃO TEMOS OUTRO REI SENÃO JES… quem não se juntar a ‘procissão’ de Bento Bento, faz-se inimigo de JES.

É caso para uma vez mais dar razão a sabedoria da palavra de Deus. Maldito é o homem que confia noutro homem.

Nguituka Salomão

www.angola24horas.com
.

Sem comentários: