• A FRENTE NEGRA BRASILEIRA - *Carlos Roberto Saraiva da Costa Leite* | Porto Alegre | Brasil* Há 86 anos, em 16 de setembro de 1931, na cidade de São Paulo, foi criada a Frente Negr...
    Há 11 horas

sábado, 26 de março de 2011

Alemanha: cerca de 250.000 manifestaram-se contra energia nuclear

.

TSF – 26 março 2011

Cerca de 250.000 pessoas, segundo os organizadores, manifestaram-se, este sábado, nas quatro maiores cidades alemãs contra a energia nuclear, na sequência da catástrofe na central japonesa de Fukushima.

As manifestações com o «slogan» «Fukushima alerta: desligar a tomada em todas as centrais nucleares» poderão ter sido os maiores protestos anti-nucleares da história da Alemanha.

Só em Berlim, mais de 100.000 manifestantes, segundo o porta-voz da polícia Jens Berger, pediram aos líderes alemães para acabarem com a energia nuclear.

«Não podemos mais correr o risco de uma catástrofe nuclear», disse o grupo de defesa do ambiente alemão BUND.

Em Hamburgo, manifestaram-se cerca de 40.000 e em Munique a manifestação contra a energia nuclear juntou mais de 30.000, informou a polícia.

Segundo o BUND, 120.000 pessoas manifestaram-se em Berlim, 50.000 em Hamburgo e 40.000 quer em Colónia, quer em Munique.

Esta é a terceira marcha semanal convocada contra as centrais nucleares depois do sismo no Japão e os sucessivos acidentes na central nuclear de Fukushima.

Os manifestantes e a oposição parlamentar consideram insuficiente e eleitoralista a moratória decidida pelo governo da chanceler Ângela Merkel, que poucos dias depois do sismo ordenou a paragem de sete dos 17 reactores do país.
.

Sem comentários: