• Portugal | MATANÇA - *Ora a perda de cem vidas humanas, nas circunstâncias em que ocorreu – dois picos de vagas incendiárias muito concentradas no tempo e imprevisivelmente d...
    Há 1 dia

terça-feira, 4 de janeiro de 2011

ANGOLANOS ASSINALAM DIA DOS MÁRTIRES DA REPRESSÃO COLONIAL

.

ÁFRICA 21, com agência – 04 janeiro 2011

O 4 de Janeiro reveste-se de transcendente importância na história da luta de libertação nacional.

Luanda – Os angolanos comemoram hoje, 4 de Janeiro, o Dia dos Mártires da Repressão Colonial, com manifestações político-culturais e desportivas.

A data marca o início de uma revolta contra a ocupação colonial portuguesa de cerca de 500 anos (1482-1975) e que ceifou a vida de milhares de patriotas.

Há 50 anos, na Baixa de Kassanje, mais de uma dezena e meia de milhar de homens, mulheres e crianças foram barbaramente mortos pela aviação colonial portuguesa, que sobre si descarregou bombas de napalm.

Face ao forte movimento reivindicativo dos seus direitos de liberdade e sobrevivência, que unia os camponeses dos centros agrícolas da Baixa de Kassanje, as autoridades coloniais lançaram a sua violência contra as populações daquela região, num genocídio que geraria a comoção geral e acenderia a chama da luta contra o colonialismo português.

A revolta da Baixa de Cassange constituiu-se no germe gerador do movimento libertador que seria despoletado no 4 de Fevereiro de 1961 e culminaria no dia 11 de Novembro de 1975, com a proclamação da independência nacional.

Este ano, o acto central da efeméride tem lugar na localidade de Teka-dia-Kinda, município do Kela, província de Malanje, sob o lema “Honremos os mártires da pátria, promovendo o desenvolvimento de Angola”. As informações são da Angop.
.

1 comentário:

Anónimo disse...

http://achatcialisgenerique.lo.gs/ cialis acheter
http://commandercialisfer.lo.gs/ cialis
http://prezzocialisgenericoit.net/ prezzo cialis
http://preciocialisgenericoespana.net/ cialis